Dirigente do Corinthians parabeniza clube por temporada, fala sobre VP e pede confiança ao torcedor

A temporada do Corinthians está chegando ao fim. Restam apenas mais dois jogos do Campeonato Brasileiro. Até o momento, já foram 70 partidas disputadas e, apesar do clube não ter conquistado nenhum título, o saldo é positivo, pelo menos na visão da diretoria. A informação é da Gazeta Esportiva.

Após a vitória de 1 a 0 sobre Ceará, na noite de ontem, o gerente de futebol Alessandro pediu o microfone para parabenizar os jogadores e a comissão técnica pelo ano.

“Quero parabenizar a comissão técnica e aos atletas, não somente pela vaga direta à Libertadores, mas de uma forma geral pela temporada, os resultados, dedicação, entrega que esse grupo reproduziram em cada rodada, independente das vitórias. A gente avalia é o comportamento, rendimento através de dados, avaliações de profissionais que temos no nosso departamento. Ficamos satisfeitos com a conquista da vaga, tristes assim como o torcedor pelo vice da Copa do Brasil”, disse

O ex-lateral, aliás, também fez questão de agradecer a torcida do Corinthians por todo apoio durante a temporada. Mais de 41 mil pessoas estiveram na Neo Química Arena na fria noite deste sábado para assistir ao jogo contra o Ceará.

“Parabenizar também o nosso torcedor, novamente 41 mil torcedores, em um sábado à noite, temperatura baixa, sabemos quanto o nosso torcedor é apaixonado, e o mínimo que o nós devemos fazer é trabalhar muito para proporcionar momentos vitoriosos ao nosso torcedor”, completou.

Alessandro ainda comentou sobre o futuro de Vítor Pereira. O técnico tem contrato com o clube apenas até o final do ano e ainda não sabe se vai renovar. O português até tem o desejo de ficar, mas depende da sua família para tomar a decisão.

O dirigente alegou que a diretoria não está incomodada com a demora na decisão, já que o elenco entra de férias após o término do Brasileirão e se reapresenta apenas no dia 14 de dezembro. Ou seja, será um período focado apenas nas negociações e, caso ele não permaneça, haverá tempo suficiente para buscar um novo técnico antes da próxima temporada começar.

“Até a reapresentação teremos tempo suficiente para resolver a questão do Vítor, e se o Vítor não permanecer, de ter um treinador para dar andamento ao nosso projeto, que é buscar vitórias, títulos, que o torcedor está acostumado a ter, não tão recentemente. Temos que nos alimentar de conquistas. Não é um problema para o diretor de futebol esperar uma semana a mais. Temos vários atletas que iremos avaliar a permanência”, comentou.

“Que o torcedor tenha segurança naquilo que estamos fazendo, não iniciamos esse trabalho em uma semana, e sim em janeiro de 2021. Vamos dar andamento a esse projeto de transformação e mudanças do clube, abandonar o paternalismo e adotar a meritocracia nas decisões”, ampliou.

Por fim, Alessandro afirmou que o Corinthians ainda não pensa em alternativas caso não consiga renovar com Vítor Pereira para 2023 e voltou a pedir confiança para o torcedor.

“Vamos conversar com o Vítor. Após a decisão dele, em caso de uma negativa nós vamos, junto com o presidente, trabalhar outras opções. No momento, não podemos pensar em um plano B aonde não sentamos e não definimos a permanência ou não do Vítor. Preciso passar para o torcedor não ter essa preocupação, entendo por esse reconhecimento e carinho com o Vítor, o trabalho é muito significativo, uma pessoa que soube reconhecer a característica do clube, entregou o que o torcedor desejava, resultados. Vamos conversar no momento certo. Que o torcedor não tenha insegurança, e sim confiança, porque nós trabalhamos em conjunto com o nosso torcedor”, finalizou.

O Corinthians volta a campo agora na próxima quarta-feira, às 19 horas (de Brasília), quando enfrenta o Coritiba, no Couto Pereira, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. No momento, o clube está na quarta colocação, com 64 pontos.

Leave a Comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *