Notícias do Corinthians

Casagrande critica jogador do Corinthians e sugere negociação: “Está acomodado com seu grande salário”

Contratado pelo Corinthians há mais de dois anos, o meio Luan nunca conseguiu render tudo aquilo que era esperado com a camisa alvinegra. Agora sob o comando de Vitor Pereira , jogador de 29 anos parece que perdeu espaço de vez no elenco e tem sido preterido até em partidas menos importantes. O ex-jogador e comentarista Walter Casagrande falou sobre o momento do camisa 7 do Timão, em sua coluna no portal GE. A informação é do site Torcedores.

“O Luan está se prejudicando totalmente, porque não joga bem desde 2019. No Corinthians, em nenhum momento teve um desempenho perto do esperado”, escreveu o ex-atacante. “A pandemia atrapalhou todos, inclusive ele, mas na realidade ele não deu certo no Corinthians. E já passou o tempo de ele e o clube ficarem insistindo, esperando alguma coisa mudar”, opinou Casagrande.

O comentarista ainda criticou o fato do jogador ter recusado propostas de alguns clubes no início da temporada. Sport e Bahia, que disputam a Série B do Brasileirão, se mostraram interessados na contratação de Luan, mas o negócio não evoluiu. Um dos grandes problemas é o alto salário do jogador, que está na faixa dos R$ 700 mil por mês, um dos mais elevados do elenco do Corinthians.

“Já faz quase um ano que o Luan não faz gols. Quanto mais o tempo passa, mais esses números negativos aumentam. Como hoje se dá muito valor aos números, ele precisa se mexer rápido e aceitar jogar em algum time”, exclamou o comentarista. Cabe ressaltar que o último tento marcado pelo meia foi no dia 20 de maio do ano passado, diante do Sport Huancayo-PER, pela Copa Sul-Americana, em vitória do Corinthians por 5 a 0.

“Porque fica parecendo que ele está acomodado com seu grande salário, que para ele está tudo bem não jogar e nem ser relacionado. Essa não é a minha opinião mas para muitos pode parecer”, complementou Walter Casagrande.

leia também:

 

Leave a Comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *